Carnaval em São Paulo é adiado devido à pandemia de covid-19 | ANTENA
CARNAVAL 2021
>

Carnaval em São Paulo é adiado devido à pandemia de covid-19

Por Redação | 24/07/2020 | 15:18
Arquivo Carnaval em São Paulo é adiado devido à pandemia de covid-19

O de rua e os desfiles das de 2021 em São Paulo foi adiado devido à pandemia do coronavírus. O anúncio foi feito pelo prefeito Bruno Covas (PSDB) em coletiva de imprensa no Palácio dos Bandeirantes, Zona Sul de São Paulo, nesta sexta-feira (24).

A nova data ainda não foi definida, mas, no caso dos desfiles, a Liga das Escolas de Samba de São Paulo propõe que a festa seja realizada a partir do final de maio ou começo de julho, em data ainda a definir.

“Estamos definindo tanto com os blocos quanto com as escolas e com as outras cidades a nova data que deve se dar a partir de maio do ano que vem. Muito dificilmente ocorrerá em junho porque coincide com os festivais de São João no Nordeste. Estamos definindo ou final de maio, ou começo de junho para realização do carnaval na cidade de São Paulo”, afirmou Covas.

O carnaval de São Paulo é um dos maiores do país. Neste ano, cidade bateu recorde de público e do número de blocos: foram mais de 15 milhões de foliões nas ruas e 600 blocos. A prefeitura gastou R$ 36,6 milhões, e houve um retorno financeiro de R$ 2,3 bilhões para a cidade.

Em Salvador, o prefeito também estuda adiar o carnaval para julho. No Rio de Janeiro, as escolas esperam tomar uma decisão em setembro sobre a data dos desfiles. Representantes das agremiações e da Liesa alegam que sem vacina contra a Covid-19 é impossível realizar o espetáculo em segurança.

Veja também:

Comentários

Deixe uma resposta


EM REDE SOCIAL 😢
Luciano Camargo desabafa sobre a morte do pai: “A Covid tirou o último abraço que poderia dar”
COMEMORAÇÃO 🍾
Influencer Carlinhos Maia parabeniza JHC pela vitória
ELEIÇÕES 2020
CadaMinuto promove cobertura das Eleições 2020
HORÓSCOPO HOJE
Horóscopo de Hoje: Previsão do dia para os signos, 29 de Novembro de 2020
ECONOMIA
Sai novo calendário do auxílio emergencial para quem apresentou contestação ou teve benefício reavaliado