Wednesday, May 29, 2024
HomeUncategorizedVacina do coronavírus da Johnson & Johnson pode sair no início de...

Vacina do coronavírus da Johnson & Johnson pode sair no início de 2021

>

Vacina do coronavírus da Johnson & Johnson pode sair no início de 2021

Por CNN BRASIL |  02/08/2020 | 10:18

Foto: Reprodução
Vacina do coronavírus da Johnson & Johnson pode sair no início de 2021

Vacina pode sair no começo do ano

A luta contra o tempo para desenvolver uma vacina do coronavírus é grande e várias empresas tentam sair na frente.

A princípio, a Johnson & Johnson pretende iniciar os testes da fase 3 em setembro. Caso os resultados sejam positivos, a intenção é disponibilizar a substância para uso emergencial já no início de 2021.

A afirmação veio de antemão à CNN pelo vice-presidente de Assuntos Médicos da Janssen (farmacêutica da Johnson & Johnson) para a América Latina, Josue Bacaltchuk, em entrevista nesta sexta-feira (31).

À primeira vista Bacaltchuk está confiante no resultado.“Em setembro, a gente inicia os estudos de fase 3, que são os maiores. Se forem positivos, permitiriam que a gente possa ter, para o início do ano que vem, a vacina para uso emergencial”, disse.

VEJA TAMBÉM: Netflix ganha 10 milhões de novos assinantes durante a pandemia do coronavírus

“Para produzir para o ano que vem, estamos nos comprometendo a mais de 1 bilhão de doses para tentar colaborar para a redução dessa pandemia de maneira emergencial”, afirmou.

Contudo, ele assegurou que os estudos iniciais com o imunizante mostraram “resposta imunologia robusta e bom potencial de segurança”.

PRIMEIROS RESULTADOS

Nos EUA, os testes de segurança com a vacina da Johnson & Johnson foram iniciados na semana passada em humanos após a divulgação de um estudo dos efeitos em macacos, todavia ainda faltam outras fases.

Para os animais, o imunizante ofereceu uma proteção forte com uma única dose, de acordo com o estudo publicado pela revista científica Nature.
Quando expostos ao vírus, todos os seis animais que receberam a candidata a vacina ficaram completamente protegidos de doenças pulmonares e cinco deles, de infecções.

“Isso nos faz acreditar que podemos testar uma vacina de dose única nesta epidemia e aprender se ela tem um efeito protetor em humanos”, disse o médico Paul Stoffels, principal autoridade científica da J&J.
A farmacêutica disse que iniciou testes de estágio inicial em humanos nos EUA e na Bélgica e que testará sua candidata a vacina em mais de 1.000 adultos saudáveis com idades entre 18 e 55 anos, além de adultos de 65 anos ou mais.

Comentários


SUCESSO


Jonas Esticado faz live com Gusttavo Lima; saiba quando e onde assistir

SAÚDE


Beijar na boca do filho é certo ou errado? Especialistas respondem

GENTE FAMOSA


Atriz de “Salve-se Quem Puder” lançará canal no YouTube

FAMOSOS


Atriz de ‘Fina Estampa’ vende bolos para aumentar renda durante quarentena

RELATED ARTICLES

Most Popular

Array
(
    [0] => https://antenacritica.com.br/files/ebc.png
    [1] => https://antenacritica.com.br/files/ebc.png
    [2] => https://antenacritica.com.br/files/ebc.gif
    [3] => https://antenacritica.com.br/files/ebc.gif
    [4] => https://antenacritica.com.br/files/wp-content/uploads/2020/07/enem-300x200.jpg
)
Array
(
    [0] => https://antenacritica.com.br/files/8prxtp0/728x90.jpg
    [1] => https://antenacritica.com.br/files/8prxtp0/728x90.jpg
    [2] => https://antenacritica.com.br/files/8prxtp0/728x90.jpg
)

Recent Comments